Gotas Preciosas - Bula

Gotas Preciosas



Laboratório

Kleyhertz

Apresentação de Gotas Preciosas

Solução frasco com 30 mililitros

Gotas Preciosas - Indicações

Medicação digestiva e antidispéptica. Perturbações digestivas, dores de estômago, cólicas intestinais, dores de cabeça causada pela má digestão, azia, elimina o mau hálito e o mal estar causado pelo excesso de bebidas alcoólicas, dissipador de gases intestinais e estimulante da secreção biliar.

Contraindicações de Gotas Preciosas

Em pacientes hipersensíveis aos componentes da fór- mula. Gravidez e lactação. Casos de fermentação intes- tinal, obstrução dos dutos biliares e hemorróidas. Con- tra-indicado em casos de taquicardia, arritmias, edema de pulmão, estenose no trato grastrintestinal e megacolon. Contém álcool, portanto não deve ser prescrito a pacientes em casos de desintoxicação etílica.

Advertências

Beladona Recomenda-se ingerir 30 minutos a 1 hora antes das refeições para aumentar a absorção gastrointestinal.O uso prolongado inibe ou diminui o fluxo salivar, contribuindo para o desenvolvimento de cáries, doenças periodontais, candidíase e desconforto oral.Orisco/benefício deve ser avaliado em situações clínicas como lesões cerebrais em crianças, doenças cardíacas (principalmente arritmias cardíacas, insuficiência cardíaca congestiva, doenças coronarianas e estenosa mitral), síndrome de Down, esofagite por refluxo, estados febris, doenças obstrutivas gastrintestinais (acalasia, estenose piloro-duodenal), glaucoma (ângulos fechado e aberto) ou predisposição, hemorragia aguda com comprometimento das condições cardiovasculares, comprometimento da função hepática, hérnia de hiato associada a esofagite por refluxo, hipertensão, hipertireoidismo, doenças pulmonares crônicas, miastenia grave, neuropatia autonômica, hipertrofia pros- tática não obstrutiva, retenção urinária ou predisposição, obstrução pilórica, comprometimento renal, paralisia espástica em crianças, taquicardia, toxemia de gravidez, colite ulcerativa, xerostemia, íleo paralítico, atonia intestinal.

Uso na gravidez de Gotas Preciosas

Contraindicado.

Interações medicamentosas de Gotas Preciosas

Até o momento não foram relatados casos de interação medicamentosa com o uso do produto

Reações adversas e efeitos colaterais de Gotas Preciosas

Beladona Reações mais frequentes: constipação, diminuição da sudorese, sialosquese e sensação de garganta, nariz e pêlos secos. Reações ocasionais: diminuição do fluxo de leite mamário, visão turva, midríase. Reações raras: exantema ou urticária, confusão mental, aumento da pressão intra-ocular (dor ocular), hipotensão ortostática (tontura, fraqueza, desmaios, dificuldade de urinar, sonolência, cefaléia, perda da memória, náusea, vômito e cansaço). Ruibarbo Fraqueza, dificuldade de respirar, dor abdominal, náusea, vômito e diarréia. Boldo Excitação exagerada, aumento da diurese, convulsão, parada respiratória.

Gotas Preciosas - Posologia

20 a 50 gotas, 3 vezes ao dia diluídas em água, antes ou depois das refeições.

Superdosagem

Em caso de ingestão acidental de dose muito acima das preconizadas, promover esvaziamento gástrico através de indução de emese ou lavagem gástrica. Recomenda-se adotar as medidas habituais de controle das funções vitais.

Gotas Preciosas - Informações

PRODUTO EM ESTUDO PARA AVALIAÇÃO CIENTÍFICA DAS INDICAÇÕES TERAPÊUTICAS E DA TOXICIDADE. O USO DESTE PRODUTO ESTÁ BASEADO EM INDICAÇÕES TRADICIONAIS. COMPOSIÇÃO Cada ml contém: Extrato fluido de genciana (Gentiana lutea Linné): 0,006 ml Extrato fluido de ruibarbo (Rheum palmatum Linné): 0,006 ml Tintura de aloé (Aloe ferox): 0,030 mililitros Tintura de alcachofra (Cynara scolymus Linné): 0,030 mililitros Tintura de beladona (Atropa belladona Linné): 0,030 mililitros Tintura de boldo (Peumus boldus Lyons): 0,030 mililitros Tintura de carqueja (Baccharis trimera De Candole): 0,030 mililitros Veículo q.s.p: 1,000 mililitros (Veículo: Álcool etílico, metilparabeno, propilparabeno, água deionizada) Seus componentes fitoterápicos possuem propriedades reconhecidas e eficazes nesta terapêutica fitoterápica tra- dicional. Genciana Extrato fluido extraído da planta Gentiana lutea Linné, funciona como estomáquico, tônico amargo e estimulan- te gástrico. Composição química: glicosídeos secoiridoi- de (gentiopicroside, swertiamarina e amarogentina) e al- calóide (gentianina). Ruibarbo Extrato fluido extraído da planta Rheum palmatum. Sua ação inicial se faz sentir na boca onde a adstringência do Ruibarbo provoca estímulo das glândulas salivares. No estômago provoca aumento de suco gástrico e estimulo das secreções do fígado (bile), auxiliando também na ab- sorção de gorduras nos intestinos. Composição química: oxalatos e glicosídeos antraquinônicos. Aloe Tintura extraída da planta Aloe ferox. Além de estomá- quico, é laxativo e colagogo. Composição química: aloí- na (maior que 15%), glucomanan e pectinato de cálcio. Alcachofra Tintura de alcachofra obtida da planta Cynara scolymus Linné, tem propriedades diuréticas e coleréticas. Com- posição química: cinarina , o principal princípio ativo, e outros ácidos polifenólicos. Boldo Tintura de boldo obtida da planta Peumus boldus Lyons, atua aumentando a produção e favorecendo a secreção da bile; possui propriedades diuréticas e auxilia na elimi- nação de toxinas acumuladas. Composição química: as caridol; p-cymeno; 1,8-cineol; lanalol e os alcalóides iso-quinolínicos: boldina, isocoridina e N-metil laurotetanina. Beladona Tintura de Beladona extraída da planta Atropa belladona Linné. Cinética: apresenta boa absorção por via oral; o início do efeito ocorre em cerca de 2 horas, a duração do efeito é de 4 horas. A biotransformação é hepática e a excreção renal, 30 a 50% como atropina inalterada e 1% de escopolamina inalterada. Farmacologia: os efeitos anticolinérgicos da tintura de be- ladona são derivados principalmente da hiosciamina. An- ticolinérgico com ação predominante nos receptores mus- carínicos da acetilcolina, reduz a motilidade gastrintesti- nal e a secreção ácida-gástrica, reduz o tônus da uretra e da bexiga, exerce efeito relaxante no ducto e vesícula biliar, inibe as secreções salivares, brônquicas e sudorí- paras, causa midríase e aumento dos batimentos cardí- acos. Como antidismenorréico, a sua eficácia em aliviar a dismenorréia é devido a ação espasmolítica. Carqueja Tintura de carqueja obtida da planta Baccharis trimera De Candole, utilizada como tônico amargo, combate diabetes, distúrbios do fígado, vesícula, intestino solto, pois age como estimulante da secreção gástrica. Composição química: flavonóides (apigenina, cirsiliol, cirsimantina, eridictiol, eupatrina e genkawanina) sesquiterpenos, diterpenos, lignanos, alfa e beta pinenos, canfenoc e álcool sesquiterpênicos.


Bulas
Principal