Guttalax - Picosulfol - Bula

Guttalax

Picosulfol

Laxantes



Guttalax

Indicação

Para quê serve Guttalax?

Tratamento da constipação e para facilitar a evacuação intestinal.

Contraindicações

Quando não devo usar este medicamento?

Pacientes com oclusão intestinal (íleo), obstrução intestinal, quadros abdominais cirúrgicos agudos como apendicite aguda, doenças inflamatórias agudas do intestino e em casos de desidratação grave. Hipersensibilidade a substâncias do grupo triarilmetano.

Posologia

Como usar Guttalax?

Adultos e crianças acima de 10 anos: 10 a 20 gotas (5 - 10 mg). Crianças de 4 a 10 anos: 5 a 10 gotas (2,5-5 mg). Para crianças menores de 4 anos, a dose recomendada é de 0,25 miligramas por quilograma de peso corporal. Guttalax deve ser tomado à noite, para produzir uma evacuação na manhã seguinte. - Superdosagem: sintomas: no caso de administração de altas doses de Guttalax podem ocorrer diarréia, espasmos abdominais e uma significante perda de potássio e outros eletrólitos. Tratamento: após ingestão recente de altas doses, a absorção pode ser minimizada ou prevenida através de lavagem gástrica ou indução de vômito. Eventualmente pode ser necessário reposição de líquidos e correção do desequilíbrio eletrolítico. Esta medida é particularmente importante nos pacientes mais idosos, assim como nos mais jovens. A administração de antiespasmódicos pode ser útil.

Efeitos Colaterais

Quais os males que este medicamento pode me causar?

Em raros casos foram relatados desconforto gastrintestinal e diarréia. A administração crônica, sobretudo de altas doses, pode causar perdas de eletrólitos, principalmente de potássio.

Advertências e precauções

O que devo saber antes de usar este medicamento?

Como ocorre com todos os laxativos, Guttalax não deve ser tomado diariamente, sem interrupção, durante períodos prolongados. Se houver necessidade do uso diário de laxantes, deve-se investigar a causa da constipação. O uso excessivamente prolongado pode causar um desequilíbrio eletrolítico e hipocalemia, podendo precipitar o aparecimento de uma constipação de rebote. Crianças não devem tomar Guttalax sem orientação médica. Gravidez e lactação: a ampla experiência com Guttalax não tem demonstrado efeitos indesejáveis ou prejudiciais durante a gravidez. Mesmo assim, como ocorre com todos os fármacos, Guttalax somente deverá ser administrado durante a gravidez sob estrita prescrição médica. Embora as investigações tenham demonstrado que o medicamento não passa para o leite materno, não se recomenda o uso durante a lactação. Interações medicamentosas: o uso concomitante de diuréticos ou adrenocorticosteróides pode aumentar o risco de um desequilíbrio eletrolítico, se forem utilizadas doses excessivas do produto. Um desequilíbrio eletrolítico pode levar a um aumento da sensibilidade aos glicosídeos cardíacos. O uso concomitante de antibióticos de amplo espectro pode reduzir a ação laxante do produto.

Composição

Cada ml (= 15 gotas) contém: picossulfatosódico 7,5 mg; excipientes: metilparabeno, sorbitol a 70%, água desionizada.

Apresentação

Solução oral: frasco com 20 mililitros

Laboratório

Boehringer Ingelheim do Brasil Química e Farmacêutica Ltda.

Boehringer Ingelheim do Brasil Quím. e Farm. Ltda.

Rod. Régis Bittencourt, km 286 ltapecerica da Serra - SP CNPJ 60.831.658/0021-10 Indústria Brasileira SAC 0800-7016633


Laxantes
Bulas
Principal