Hydrax 90 - Bula

Hydrax 90



Laboratório

Glenmark

Apresentação de Hydrax 90

HIDRAX - solução oral. frasco com 500 mililitros A solução terá a seguinte composição hidroeletrolítica: sódio 90mEq/l; potássio 20 mEq/l; cloreto 80mEq/l; citrato 30mEq/l; glicose 111mMol/l.

Hydrax 90 - Indicações

HIDRAX 90 Solução Oral é indicado para reposição das perdas acumuladas de água e eletrólitos (reidratação), ou para manutenção da hidratação (após a fase de reidratação), em quadros de doença diarréica aguda de qualquer etiologia.

Contraindicações de Hydrax 90

As soluções para TRO são contraindicadas em íleo paralítico, em obstrução ou perfuração intestinal e nos vômitos inocercíveis.

Reações adversas e efeitos colaterais de Hydrax 90

Até o momento não se observaram reações adversas com a posologia recomendada. Administração aguda de sais de sódio, em quantidades acima da capacidade renal de excreção, produz aumento da osmolaridade, principalmente extracelular (ver item superdosagem). Não há toxicidade crônica com o uso de soluções para TRO.

Hydrax 90 - Posologia

Na fase de reidratação: HIDRAX 90 Solucão Oral deve ser oferecido com grande frequência ao paciente, permitindo que o volume e a velocidade de ingestão sejam determinados por sua aceitação. Como regra geral, recomenda-se de 100 a 150 ml/Kg de peso corporal, a serem administrados em período de 4 a 6 horas; é possível, entretanto, grande variação entre pacientes. Na fase de manutenção, oferecer com frequência ao paciente, alternando com outros líquidos (leite, sucos, chás, água, sopas). Administrações de solução podem ser feitas adicionalmente a cada evacuação líquida. As soluções para TRO devem ser administradas exclusivamente por via oral, de preferência por colher ou copo, dependendo da idade do paciente.

Hydrax 90 - Informações

As soluções para Terapia de Reidratação Oral (TRO) são misturas de sais e carboidratos, dissolvidas em quantidades adequadas de água, que servem, dependendo de sua composição eletrolítica, para prevenção da desidratação, para reposição das perdas acumuladas de água e eletrólitos (reidratação), ou para manutenção da hidratação (após a fase de reidratação), em quadros de doença diarréica aguda de qualquer etiologia. Ingeridas por via oral, as soluções para TRO repõem água e eletrólitos (principalmente sódio, potássio, cloreto e uma base), que são perdidos durante episódios de diarréia aguda, com ou sem vômitos, em crianças e adultos. Corrige-se assim os desequilíbrios hidroeletrolítico e ácido-básico. A água e os eletrólitos são absorvidos da luz intestinal, através das células da mucosa, para os vasos mesentéricos. A maior parte da absorção ocorre no intestino delgado superior (duodeno e jejuno). O principal mecanismo de absorção de sódio é o acoplamento com a glicose, utilizando um sistema ativo de transporte de membrana. O movimento de absorção de sódio e glicose atrai, por força osmótica, grande quantidade de água. Os eletrólitos distribuem-se noplasma sanguíneo, no líquido intersticial e no líquido intracelular, locais onde tenha ocorrido expoliação pela doença diarréica aguda. Normalmente, os níveis fisiológicos de água e eletrólitos são recuperados em período de até 6 horas, que é a duração habitual da fase de reidratação. Nas 24 a 48 horas seguintes, durante a fase de manutenção, completa-se a recuperação de qualquer déficit hidroeletrolítico residual.


Bulas
Principal