NERISONA Creme/Pomada - Bula

NERISONA Creme/Pomada



NERISONA Creme/Pomada

Composição

1 g de qualquer uma das duas formasfarmacêuticas de Nerisona contém: valerato de diflucortolona 1 mg (0,1%).

Posologia e Administração

como regra geral, qualquer que seja a forma farmacêutica escolhida: creme ou pomada, inicia-se o tratamento aplicando o preparado em camada fina 2 a 3 vezes ao dia, segundo a gravidade do caso. Iniciada a melhora clínica, basta em geral uma só aplicação ao dia. Em lactentes e crianças menores de 4 anos, o tratamento não deve prolongar-se por mais de 3 semanas, especialmente nas zonas cobertas por fraldas. Os cremes, por sua elevada proporção de água e mínimo conteúdo gorduroso, estão particularmente indicados nos processos úmidos e estados evolutivos agudos, assim como nas afecções localizadas em partes descobertas, ou em zonas pilosas do corpo. Se durante o tratamento prolongado com o creme a pele tornar-se extremamente seca, deve-se continuar oportunamente o tratamento com a pomada. A pomada por sua equilibrada proporção de gordura e água, encontraindicações na maior parte das afecções dermatológicas sensíveis a tratamento tópico com corticóides. Em caso de uso de curativo oclusivo, recomenda-se mantê-lo por um período não superior a 24 horas. Se o tratamento oclusivo for prolongado, aconselha-se a troca de curativo a cada 12 horas. Caso sobrevenha infecção, o curativo adesivo deve ser eliminado.

Precauções

de modo geral, não se deve empregar corticosteróides tópicos durante o primeiro trimestre de gravidez. Evitar principalmente o uso por períodos prolongados e em áreas extensas. Para dermatoses infectadas deve-se introduzir terapêutica adicional específica. Quando o produto for aplicado na região facial, evitar o contato com os olhos. Não deve ser utilizado na presença de rosácea ou dermatite perioral. No tratamento de eczema de estase não aplicar sobre regiões ulceradas.

Reações adversas

quando aplicado em áreas extensas e/ou por períodos prolongados, principalmente em caso de curativos oclusivos, podem ocorrer sintomas locais concomitantes, como atrofia cutânea, telangiectasias, estrias, manifestações acneiformes, dermatite perioral, hipertricose e efeitos sistêmicos por absorção do corticosteróide. Podem ocorrer, em casos raros, reações alérgicas cutâneas. Os efeitos colaterais, como redução da função adrenocortical em casos de aplicação durante as últimas semanas de gravidez, não podem ser excluídos em recém-nascidos quando o produto é empregado extensivamente ou por tempo prolongado durante o período de gestação ou lactação.

Contra-Indicações

processos tuberculosos ou luéticos na região a ser tratada; afecções viróticas (p. ex.: vacínia, varíola, varicela).

Indicações

todas as afecções cutâneas que respondem à corticoterapia tópica, como dermatite de contato; eczema de contato; eczema profissional; eczema vulgar; eczema numular; eczema degenerativo; eczema seborréico; eczema disidrótico; eczema relacionado com transtornos varicosos (não aplicar diretamente sobre a úlcera da perna); eczema anal; eczema das crianças, neurodermites (eczema endógeno, dermatite atópica); psoríase; líquen rubro plano e verrucoso; lúpus eritematoso discóide crônico; queimaduras de 1º grau, eritema solar; picadas de insetos.

Apresentação

Nerisona Creme e Pomada são apresentados em bisnagas com 15 g.

Laboratório

Schering do Brasil Rua Cancioneiro de Évora, 255/339/383 São Paulo/SP - CEP: 04708-010 Tel: 55 (011)536-4611 Fax: 55 (011) 536-3939 Site: http://www.schering.com.br/

Ver outros medicamentos deste laboratório Pesquisar o preço deste medicamento.

Aviso legal


Bulas
Principal