NOROGIL Drágeas - Bula

NOROGIL Drágeas



NOROGIL Drágeas

Composição

cada drágea contém: lomifilina 80,00 mg;mesilato de diidroergocristina 0,80 mg; excipiente q.s.p. 1 drágea.

Posologia e Administração

a critério médico. Em geral 2 a 3 drágeas ao dia.

Precauções

apesar de estudos experimentais não demonstrarem atividade embriotóxica ou teratogênica, o Norogil por se tratar de medicamento novo não deve ser utilizado nos primeiros três meses de gravidez.

Indicações

afecções de ordem vascular em ORL: vertigens, acúfeno, labirintite traumática; retinopatias de origem vascular: diabéticas, arterioscleróticas, ou hipertensivas; insuficiência circulatória cerebral crônica; tratamento sindrômico dos traumatismos cranianos. - A lomifilina molécula nova derivada da purina e a diidroergocristina - alcalóide de ergot são as substâncias ativas do Norogil. A lomifilina apresenta real atividade terapêutica, aumentando significativamente o débito sanguíneo cerebral e atuando, também, sob o plano farmacocinético, como um agente vetor da diidroergocristina, favorecendo-lhe a solubilidade e passagem em fase orgânica, aumentando, assim, a absorção intestinal. Face a essa sinergia de natureza farmacocinética entre seus componentes, o Norogil consegue atingir taxas plasmáticas de diidroergocristina 2 a 3 vezes superiores que ao se administrar diidroergocristina isoladamente. Devido às suas propriedades reológicas e metabólicas, o Norogil permite uma melhor nutrição e melhor oxigenação do tecido cerebral.

Apresentação

frasco com 20 drágeas.

Laboratório

Hoechst Marion Roussel Av. das Nações Unidas, 18001 São Paulo/SP - CEP: 04795-900 Tel: 55 (011) 5683-7847 Fax: 55 (011) 5683-7233 Email: mol@msbhmr.hmr.com.br Site: http://www.hmr.com.br/

Ver outros medicamentos deste laboratório Pesquisar o preço deste medicamento.

Aviso legal


Bulas
Principal