Pantozol ev - Bula

Pantozol ev



Laboratório

Nycomed

Referência

Pantoprazol EV

Apresentação de Pantozol ev

Pó liof. inj.; embalagem com 1 fr.-ampola acompanhado de 1ampola com 10 mililitros de diluente com 40 mililitros

Contraindicações de Pantozol ev

Pantozol ev não deve ser usado em casos de hipersensibilidade conhecida aos componentes da fórmula. Pantozol ev não deve ser administrado em gestantes e lactantes, a menos que absolutamente necessário, uma vez que a experiência clínica sobre seu uso em mulheres nestas condições é limitada. Estudos de reprodução em animais demonstraram fetotoxicidade leve com doses acima de 5 mg/kg. Não existem informações sobre a excreção de pantoprazol no leite humano. Pantoprazol só deve ser utilizado quando o benefício para a mãe for considerado maior que o risco potencial ao feto ou à criança.

Reações adversas e efeitos colaterais de Pantozol ev

O tratamento com pantoprazol pode, ocasionalmente, levar ao aparecimento de cefaléia, queixas gastrointestinais como dor abdominal, diarréia, constipação ou flatulência e reações alérgicas como prurido, erupções cutâneas (em casos isolados também urticária, angioedema ou choque anafilático). Náusea, vertigem, distúrbios visuais (visão turva) ou tromboflebites foram raramente observados. Existem relatos isolados de casos de edema periférico, febre, depressão ou mialgia que regrediram com o término do tratamento.

Pantozol ev - Posologia

Injetando-se o conteúdo da ampola de diluente (10 ml) no frasco-ampola que contém o pó liofilizado, obtém-se rapidamente a solução injetável pronta para a aplicação endovenosa. Esta solução, límpida e incolor, deve ser utilizada dentro de, no máximo, 6 horas. A administração deve ser feita exclusivamente por via endovenosa. Pode-se administrar a solução sob a forma de bolus (no mínimo por 2 minutos) ou sob a forma de infusão, após a diluição da solução reconstituída em 100 mililitros de solução fisiológica ou 100 mililitros de solução de glicose a 5% ou a 10%, sendo neste caso, recomendado um tempo de administração de 15 minutos. Pantozol ev não deve ser diluído com nenhum outro tipo de diluente ou misturado a nenhum outro medicamento para uso injetável. A solução reconstituída deve manter um pH de 9. Salvo critério médico diferente, recomenda-se a administração de 1 frasco-ampola (40 mg) de Pantozol ev ao dia. Tão logo o tratamento por via oral seja possível, Pantozol ev deve ser descontinuado e substituído pelo tratamento com Pantozol comprimidos, levando-se em consideração a equivalência terapêutica entre a forma injetável de 40 miligramas e os comprimidos gastro-resistentes de 40 miligramas


Bulas
Principal