TERRA-CORTRIL Pomada - Bula

TERRA-CORTRIL Pomada



TERRA-CORTRIL Pomada

Composição

cada grama contém cloridrato de oxitetraciclinaequivalente a 30 miligramas de oxitetraciclina base e 10 miligramas de hidrocortisona. Excipientes utilizados: petrolato branco e petrolato líquido.

Posologia e Administração

após a completa limpeza da área afetada, pequena quantidade de pomada deve ser aplicada suavemente, duas a quatro vezes ao dia. Quando houver infecção, a pomada poderá ser aplicada com gaze esterilizada e, desta maneira, manter-se em contato contínuo com a área afetada. Deverão ser tomados cuidados para não suspender o tratamento demasiadamente cedo, ou seja, logo após a obtenção da resposta inicial. Superdosagem: não há antídoto específico disponível. Em casos de superdosagem, descontinuar a medicação, tratar os sintomas e instituir medidas de suporte.

Precauções

o uso de oxitetraciclina, bem como de outros antibióticos, pode resultar em um desenvolvimento de microorganismos resistentes, particularmente Candida e estafilococos. A constante observação do paciente quanto a essa possibilidade é essencial. Caso ocorram novas infecções por bactérias ou fungos não suscetíveis durante a terapia, medidas adequadas devem ser instituídas. Se não ocorrer resposta favorável imediata, este produto contendo corticosteróide deve ser descontinuado até que a infecção tenha sido adequadamente controlada com outras medidas apropriadas. Caso o medicamento produza irritação, o mesmo deverá ser descontinuado e terapia adequada instituída. Em condições de infecções purulentas agudas, os esteróides podem mascarar ou aumentar a infecção existente. Terapia suplementar com oxitetraciclina oral é aconselhável no tratamento de infecções severas ou aquelas que possam tornar-se sistêmicas. Crianças: administração sistêmica de tetraciclinas durante o desenvolvimento dos dentes (metade final da gravidez, infância e crianças até 8 anos) pode causar descoloração permanente dos dentes assim como retardo no desenvolvimento do esqueleto. Hipoplasia do esmalte dos dentes tem sido relatado. Embora estes efeitos não sejam prováveis após administração tópica de tetraciclinas devido às baixas doses utilizadas, a possibilidade de ocorrência destes efeitos deve ser considerada. Caso grandes áreas sejam tratadas ou esteja sendo utilizada uma técnica oclusiva, haverá um aumento na absorção sistêmica do corticosteróide e medidas apropriadas devem ser tomadas, principalmente em crianças e recém-nascidos. Gravidez: embora não tenha sido relatado que esteróides tópicos possam apresentar efeitos adversos na gravidez humana, a segurança do uso deste agente em mulheres grávidas ainda não foi completamente estabelecida. As drogas desta classe não devem ser usadas extensivamente em pacientes grávidas em grandes quantidades, ou por períodos prolongados de tempo. Não há estudos controlados até o momento com o uso de tetraciclinas tópicas em mulheres grávidas. O uso de tetraciclina sistêmica em mulheres grávidas tem resultado em retardo no desenvolvimento do esqueleto e crescimento ósseo nos fetos. Mas drogas desta classe devem ser usadas durante a gravidez somente quando os possíveis benefícios superarem os riscos potenciais. Lactação: não se sabe se corticosteróides tópicos são excretados no leite materno. Os corticosteróides sistêmicos são excretados no leite materno e podem causar efeitos indesejáveis no lactente, tal como supressão no crescimento. Não se sabe se as tetraciclinas aplicadas topicamente são distribuídas no leite materno. As tetraciclinas são encontradas no leite após administração sistêmica. Devido ao potencial de reações adversas sérias em lactentes, uma decisão deve ser tomada quanto à descontinuação da amamentação ou do medicamento, levando em consideração a importância do medicamento para a mãe. Efeitos na habilidade de dirigir ou operar máquinas: Não é esperado que preparações tópicas de oxitetraciclina apresentem influência na habilidade de dirigir ou operar máquinas.

Reações adversas

hidrocortisona e oxitetraciclina são bem toleradas pelos tecidos epiteliais e podem ser utilizadas topicamente com mínimos efeitos adversos. Reações alérgicas, incluindo dermatite de contato, podem ocorrer, mas são raras. As reações adversas que ocorrem com maior frequência na presença de ingredientes antiinfecciosos são sensibilizações alérgicas. Infecções secundárias: O desenvolvimento de infecções bacterianas ou fúngicas secundárias tem ocorrido após o uso de associações contendo esteróides e agentes antimicrobianos. Como a hidrocortisona é um esteróide tópico não halogenado, o risco de reações adversas sistêmicas é mínimo e os riscos de reações advesas tópicas não são esperados após terapias de curta duração. As seguintes reações locais foram relatadas com o uso de corticosteróides tópicos, especialmente sob curativos oclusivos: ardor, prurido, irritação, ressecamento, maceração da pele, foliculite, hipertricose, erupções acneiformes, hipopigmentação, dermatite perioral, dermatite de contato alérgica, infecção secundária, atrofia cutânea, estrias, miliária. O uso de Terra-Cortril Pomada deve ser descontinuado caso quaisquer destas reações ocorram.

Contra-Indicações

casos de herpes simples agudo, vacínia e varicela; tuberculose cutânea; doenças fúngicas cutâneas; hipersensibilidade a quaisquer dos componentes do medicamento. Terra-Cortril Pomada é contraindicado para uso oftálmico.

Indicações

tratamento de: infecções cutâneas, incluindo as infecções piogênicas superficiais, piodermites, dermatites pustulosas e infecções associadas a queimaduras leves e ferimentos (sob estreita supervisão); dermatites atópicas, incluindo os eczemas alérgicos, neurodermatites disseminada e circunscrita, pruridos com liquenificação, dermatite eczematóide, eczema alimentar e eczema infantil; dermatites de contato devidas a plantas, medicamentos, cosméticos, tecidos e diversas outras substâncias; pruridos inespecíficos do ânus, vulva e escroto.

Apresentação

bisnagas com 15 ou 30 gramas.

Laboratório

Labs. Pfizer Ltda.

Av. Pres. Tancredo de Almeida Neves, 1.111 Guarulhos/SP - CEP: 07190-916 Tel: 55 (011) 6464-7501 Fax: 55 (011) 6464-7500 Site: http://www.pfizer.com.br/

Ver outros medicamentos deste laboratório Pesquisar o preço deste medicamento.

Aviso legal


Bulas
Principal