Trandor - Fenoprofeno - Bula

Trandor

Fenoprofeno

Analgesicos



Trandor

Indicação

Para quê serve Trandor?

Tratamento da dor leve a moderada. É também indicado para o alívio dos sinais e sintomas da gripe, afecções das vias respiratórias superiores, bem como de dores localizadas e fraturas, feridas cirúrgicas, episiotomias e cólicas uterinas.

Contraindicações

Quando NÃO devo usar este medicamento?

Pacientes que demonstraram hipersensibilidade a esta droga, história de úlcera gastrintestinal e sangramento intestinal ou gástrico. A droga não pode ser administrada a pacientes com antecedentes de insuficiência hepática ou renal significativa. Devido à possibilidade de sensibilidade cruzada com ácido acetilsalicílico e com outros anti-inflamatórios não esteróides, o fenoprofeno cálcico não deverá ser administrado a pacientes nos quais essas drogas produzam sintomas de asma, rinites ou urticárias. Advertências: Trandor se tomado em doses elevadas e por tempo prolongado, pode causar reações adversas gastrintestinais e causar, embora raramente, sangramento gastrintestinal grave, levando à hospitalização e até mesmo a resultados fatais.

Posologia

Como usar Trandor?

Para dor leve a moderada, sugere-se uma dose de 200 miligramas a cada 4 a 6 horas, segundo a necessidade. A dose de fenoprofeno cálcico deve ser ajustada às necessidades do paciente, e pode ser aumentada ou diminuída de acordo com a intensidade dos sintomas. A utilização do produto deve ser por período curto e a dose total diária não deve exceder 3200 miligramas Se ocorrerem reações gastrintestinais, o fenoprofeno cálcico deve ser administrado com alimento ou leite. - Superdosagem: sinais e sintomas: os sintomas de superdosagem aparecem em várias horas e geralmente envolvem os sistemas nervoso central e gastrintestinal. Os sintomas incluem dispepsia, náusea, vômitos, dor abdominal, tontura, dor de cabeça, ataxia, zumbido, tremor, sonolência e confusão. Em raras ocasiões podem ocorrer hiperpirexia, taquicardia, hipotensão e insuficiência renal aguda. Tratamento: no tratamento da superdosagem, é preciso ter em mente a possibilidade de superdose por múltiplas drogas, interação com outras drogas e farmacocinética pouco usual no paciente. Proteja as vias respiratórias do paciente mantendo ventilação e perfusão. Controlar meticulosamente e manter dentro de limites aceitáveis os sinais vitais, os gases sanguíneos, os eletrólitos do soro, etc. A absorção das drogas no aparelho gastrintestinal pode diminuir com a administração de carvão ativado que, em muitos casos, é mais eficaz do que o vômito ou as lavagens gástricas; pense na possibilidade de usar carvão ativado ao invés de esvaziamento gástrico. A administração de doses repetidas de carvão ativado durante certo tempo pode aumentar a eliminação de algumas drogas que tenham sido absorvidas. Proteger as vias respiratórias do paciente quando empregar o esvaziamento gástrico ou o carvão ativado. A alcalinização da urina, a diurese forçada, a diálise peritoneal, a hemodiálise e a hemoperfusão com carvão ativado não aceleram a eliminação sistêmica da droga.

Efeitos Colaterais

Quais os males que este medicamento pode me causar?

Durante os estudos em curto prazo para analgesia, a incidência de reações adversas foi notavelmente inferior à observada nos estudos em longo prazo. A incidência de efeitos colaterais tem sido rara e, quando ocorre, está relacionada com o trato gastrintestinal, como dispepsia, constipação, náusea e vômitos. A incidência e gravidade dos efeitos colaterais relatados têm sido menores do que as observadas com o uso do ácido acetilsalicílico. O desconforto abdominal, ocasionalmente experimentado por alguns pacientes, foi eliminado pela administração conjunta de antiácidos ou pela administração da droga juntamente com alimentos.

Advertências e precauções

O que devo saber antes de usar este medicamento?

Não deve ser usado durante a gestação e em crianças, desde que sua segurança não foi ainda estabelecida sob essas condições.

Composição

Cada cápsula contém: fenoprofeno cálcico,equivalente a 200 miligramas de fenoprofeno (0,826 mmol), excipiente q.s.p. 1 cápsula.

Apresentação

Blister de 10 cápsulas em caixas com 10 e 100 cápsulas.

Laboratório

Eli Lilly do Brasil Ltda.


Analgesicos
Bulas
Principal