Trifedrin - Cloridrato de Pseudoefedrina - Bula

Trifedrin

Cloridrato de Pseudoefedrina

Descongestionante Nasal Sistemico



Trifedrin

Indicação

Para quê serve Trifedrin?

TRIFEDRIN Xarope Infantil é indicado para o alívio sintomático da tosse em lactentes e crianças, nas seguintes condições: resfriados comuns, bronquite aguda e crônica, asma alérgica, bronquiolite, "crupe" e traqueobronquite.

Farmacocinética

Como funciona este medicamento?

Após a administração oral da droga, a concentração plasmática da triprolidina ocorre mais ou menos dentro de 1,5h a 2,0h (Tmáx ).

A meia-vida plasmática da triprolidina é de aproximadamente 3,2h e da pseudoefedrina é de aproximadamente 5,5h (o ph da urina mantido entre 5,0 - 7,0).

A pseudoefedrina é parcialmente metabolizada no fígado, num metabolito ativo. A triprolidina é um produto oxidado por enzima microssômica hepática.

A pseudoefedrina e seu metabolito são excretados na urina.

A taxa de excreção urinária da pseudoefedrina é acelerada, quando a urina é acidificada. Inversamente ao aumento do pH da urina, a taxa de excreção urinária é diminuída.

Contraindicações

Quando NÃO devo usar este medicamento?

Pacientes com conhecida hipersensibilidade à pseudoefedrina ou triprolidina, ou qualquer outro componente da fórmula.

Pacientes portadores de hipertensão ou doença arterial coronariana grave.

Pacientes em tratamento com furazolidona.

Pacientes que estejam tomando ou tenham tomado, nas duas semanas precedentes, inibidores da monoaminoxidase.

Posologia

Como usar Trifedrin?

Crianças com menos de 2 anos de idade: Uso somente sob orientação médica.

Efeitos Colaterais

Quais os males que este medicamento pode me causar?

Pode ocorrer tanto depressão como excitação do sistema nervoso central, sendo que sonolência ocorre com maior frequência. Distúrbios do sono e raramente alucinações, foram relatados.

Ocasionalmente, relataram-se "rashes" cutâneos, com ou sem irritação, taquicardia e boca, nariz e garganta secos.

Ocasionalmente, relatou-se retenção urinária em homens que tomavam pseudoefedrina; o aumento prostático pode ter sido um importante fator predisponente.

Advertências e precauções

O que devo saber antes de usar este medicamento?

Devido ao seu efeito sedativo, deve-se ter cautela ao conduzir veículos e/ou operar máquinas potencialmente perigosas.

Evitar a ingestão de bebidas alcoólicas e outros sedativos de ação central.

Deve-se tomar cuidado quando houver a presença de insuficiência renal ou hepática grave.

Não deve ser usado para tosse crônica ou persistente que ocorre em pacientes fumantes, asmáticos, com enfisema ou quando a tosse for acompanhada por secreções excessivas, a não ser que seja indicado pelo médico.

Só deve ser usado durante a gravidez e a lactação se o benefício para a mãe justificar o possível risco para o bebê.

Apresentação

É apresentado em embalagem contendo 1 frasco de 100 mililitros

Interações Medicamentosas

O uso concomitante com outros agentes simpaticomiméticos, tais como os descongestionantes, os antidepressivos tricíclicos, os supressores do apetite e os psico-estimulantes do tipo das anfetaminas, ou com os inibidores da monoaminoxidase que interferem no catabolismo das aminas simpaticomiméticas, pode ocasionalmente causar uma elevação na pressão arterial.

A pseudoefedrina, pode parcialmente reverter a ação hipotensiva de drogas que interferem na atividade simpática, incluindo-se o bretílio, a betanidina, a guanetidina, a debrisoquina, a metildopa e os alfa e betabloqueadores.

Introdução

TRIFEDRIN (Sulfoguaiacolato de potássio/ Cloridrato de triprolidina/ Cloridrato de pseudoefedrina)

Mecanismo de Ação

A triprolidina propicia alívio sintomático das condições que se acredita serem dependentes, da liberação de histamina. É um potente antagonista competitivo dos receptores H1 histamínicos, com discretas propriedades depressoras do sistema nervoso central que podem causar sonolência.

A pseudoefedrina têm atividade simpaticomimética sendo um eficaz descongestionante do trato superior. A pseudoefedrina é substancialmente menos potente que a efedrina na produção de taquicardia e na elevação da pressão arterial sistólica, e consideravelmente menos potente como estimulante do Sistema Nervoso Central.

O sulfoguaiacolato de potássio reduz a viscosidade das secreções, aumenta a eficiência do reflexo da tosse e a ação dos cílios na remoção das secreções acumuladas na traquéia e brônquios.

Fórmula

Cada 5ml (01 colher das de chá) contém:

Cloridrato de triprolidina: 0,5mg Cloridrato de pseudoefedrina: 10,0 miligramas Sulfoguaiacolato de potássio: 50,0 miligramas Excipientes: açúcar diamantino, aroma artificial de abacaxi, benzoato de sódio, corante ponceau, metilparabeno, mentol, sacarina sódica, sorbitol solução 70%, água deionizada.

O QUE É Xarope Infantil de grande valor no alívio de tosses, tanto de origem alérgica quanto infecciosa. É particularmente útil contra tosses e espirros de alergias respiratórias. Usualmente, certos graus de congestão da mucosa e de broncoespasmo estão presentes em todas as tosses. Em crianças e em pacientes com componente asmático, a via aérea pode estar estreitada significativamente por esse motivo. O efeito broncodilatador e descongestionante do cloridrato de pseudoefedrina oferece um grande alívio para muitos desses pacientes.

Classe

Descongestionante nasal sistêmico

Laboratório

Farmoquímica S.A.

Rua General Polidoro, 105 Rio de Janeiro/RJ - CEP: 22280-001 Tel: 55 (021 )275-3548 Fax: 55 (021) 542-6747 Site: http://www.farmoquimica.com.br/


Descongestionante Nasal Sistemico
Bulas
Principal